Reading Time: 4 minutes

É importante ter habilidades de equilibrista! rs

Só tem alguns meses que eu estou atuando como engenheira de produção de uma indústria. E se tem algo que tenho aprendido neste pouco tempo é sobre como a vida é realmente imprevisível (rs). Por maior e melhor que seja o seu controle de processo, imprevistos vão acontecer e agitarão (ainda mais) a sua rotina.

Como todo e qualquer engenheiro, eu tenho compromissos e algumas rotinas que preciso manter durante a semana. Eu planejo uma agenda e tenho os compromissos administrados pelo calendário do e-mail. Tudo parece estar sob controle, até que um imprevisto acontece na área produtiva e eu preciso priorizar aquilo.

(Esse seria um bom resumo de uma semana como engenheiro(a) de produção rs).

Mas o dia a dia nesta área é muito mais do que apenas imprevistos...

Um engenheiro de produção precisa garantir que a quantidade planejada para o mês será cumprida. Se você precisa entregar 10 toneladas de um produto em um determinado mês, você precisa garantir que tudo estará convergindo para isso. E é por isso também que você precisa ser um equilibrista.

Eu observo que um equilibrista tem convicção do ponto que ele quer chegar na corda. Porém, junto com este objetivo, ele equilibra muitos outros objetos, o que demanda uma concentração não só no objetivo futuro, mas também no agora. O engenheiro de produção trabalha da mesma forma.

Você tem um objetivo claro em um futuro próximo, mas você precisa se concentrar bastante no agora, mantendo algumas rotinas e compromissos, e tendo destreza para se manter firme quando um "objeto" parecer querer cair da sua mão. O Engenheiro de Produção tem noção de onde quer chegar e, para isso, precisa ter uma visão de águia em relação a tudo que envolve a área produtiva.

A depender da indústria, cada engenheiro de produção terá rotinas específicas, mas tenho certeza que a maioria delas se concentrará em pontos comuns a todos, a citar:

  • Indicadores de produção (eficiência da área e das máquinas, produtividade, dados de retrabalho e perdas produtivas, etc)
  • Indicadores de Segurança
  • Gestão de Pessoas

Aonde você for na indústria, com certeza, verá um engenheiro de produção focando nestes três pontos (pelo menos). A forma como cada um vai olhar para isso que pode mudar um pouco, porque dependerá das metodologias utilizadas em cada empresa.

Assim, a rotina de um engenheiro de produção será focando nestes pontos e também na eliminação dos imprevistos que surgirem. Claro que nós trabalhamos para que eles não aconteçam, mas, em algum momento, é inevitável. Por mais estável e controlado que seja seu processo, imprevistos fazem parte da vida. Isto tem sido um grande aprendizado para mim...

O ritmo na área de produção é bastante acelerado. E logo quando eu cheguei, eu pensei que minhas rotinas e atividades precisariam ser feitas no mesmo ritmo. E foi ai que gestor me antecipou um aprendizado importantíssimo:

"Ana, nós precisamos ser ágeis. Mas a gente não pode ter pressa."

A qualidade das nossas ações é diretamente proporcional à essência desta frase. 

A qualidade, a segurança, a produtividade. Tudo que me interessa como engenheira de produção precisa ser feito com agilidade, mas sem pressa. Caso contrário, um passo que a gente dê, achando que vai chegar mais rápido, acaba sendo uma grande perda de tempo. E isso é crucial. Precisão no passo, é isso que você precisa ter.

A rotina do Engenheiro de Produção é manter tudo em ordem, em equilíbrio, que nem um equilibrista. Mas tem algo que a gente faz, que as Universidades não ensinam e que a gente conversa bastante aqui no blog:

Engenheiro de Produção é também um Engenheiro de Seres Humanos. 

Você pode ter milhões de reuniões, muitos problemas para resolver, mas sempre priorize ouvir aqueles que trabalham na produção contigo. Pare, ouça e aja por eles.

É muito comum eu estar passando na área, ter uma lista de atividades a fazer ou alguma reunião a cumprir e, de repente, algum operador me parar para me fazer alguma pergunta ou sugerir algo. Neste momento, eu esqueço imediatamente de tudo, lembro do equilibrista e me concentro totalmente naquele momento. Eu me dedico integralmente a ouvi-los.  O engenheiro de produção precisa começar garantindo a melhor experiência para os operadores, com isso, os demais indicadores são fáceis de cumprir.

Atuar na área de Produção abriu ainda mais meus olhos sobre como a Engenharia vai além dos cálculos...

A gente precisa saber lidar com números, mas também com pessoas e emoções.

Caso você tenha o desejo de ser um Engenheiro(a) atuante na área de produção é interessante ter conhecimentos em Excel (VBA é um diferencial e tanto), Ferramentas da Qualidade (Ciclo PDCA, Controle Estatístico de Processos), conhecimentos de TPM, 5s e de Gestão (de metas e pessoas). Mas, o mais essencial mesmo é ser você.

O dia a dia de um engenheiro(a) de produção requer flexibilidade, concentração, controle emocional. E a certeza de que, sim, às vezes será necessário ir à fábrica em um final de semana ou receber ligações durante as madrugadas. Por isso, a importância de realmente fazer aquilo que gosta.

Como Engenheiro(a) de Produção, precisamos nos inspirar nos equilibristas:

Ter Precisão no passo, foco no objetivo, concentração no agora.

Se feito com o coração, não é difícil...

Se você também atua na área de produção, deixe um pouco dos seu depoimento nos comentários. Essa série de textos também nasceu para aproximar a prática da teoria na engenharia. Caso você queira saber mais sobre esta área, deixe suas perguntas nos comentários, ficarei feliz em responder!

Vamos caminhando juntos nesta missão...

Hoje atuo como Engenheira de Produção e sou muito feliz por isso!!

Gratidão!!

QUERO IR ALÉM NA ENGENHARIA!

The following two tabs change content below.
Ana Luisa Almeida
Aprendiz da vida e da engenharia. Idealizadora do Projeto "O que aprendi na Engenharia". Jovem Ponte, Engenheira Química formada pela UFBA, atuando como Engenheira Trainee na Kordsa Brasil. Nascida para espalhar sorrisos e gratidão ao redor do mundo, com o Coração sempre no ritmo #GoGoGo.

Comments

comments

Gostou desse texto?

Se você quiser receber mais textos como esse, cadastre seu email abaixo! 

Nosso conteúdo é gratuito e feito com muito amor!

Pronto! A partir de agora você estará sempre conectado(a) com nosso conteúdo! Gratidão!