Reading Time: 2 minutes

Ultimamente, começo acreditar que essa é uma das principais habilidades que você vai precisar ter na vida estudantil, profissional e pessoal.

Durante a última semana, tiveram noites que dormi muito mal. Precisava estudar para as tantas provas que tive durante os últimos dias.

E eu fiz assim: estudei, adentrei algumas horinhas da madrugada e acordei com a disposição para revisar/complementar o assunto.

Mas posso te contar algo?

Eu não consegui revisar o assunto direito.

Nas duas manhãs que foquei em revisar a disciplina, eu acordei com muitas cólicas abdominais, que só passavam quando eu parava e respirava.

Nervosismo.

Um reflexo do meu Desamparo Aprendido que, por mais que eu estude, tenta sempre sussurar que não está suficiente.

Mas, no quesito ‘Mente’, eu já ando mais sabida na vida. Rs.

Eu já sei que eu poderia estudar o máximo que fosse, mas se eu realizasse a prova deixando aqueles pensamentos depreciativos dominando minha mente, não ia rolar.

Eu ia travar.

Então sabe o que eu fiz?

Peguei meu celular, abri o youtube e digitei: “meditation song”. Vídeos de 6 horas ou menos — muitos deles já assistidos por mim haha — apareceram e dei play. Dai deitei na cama e comecei o que eu batizei de sono meditativo. — Desculpa se alguém já usou esse termo, mas foi o único nome que me veio na mente haha —

Como funciona?

Ao som da meditação, eu fecho os olhos, inspiro e expiro e, a cada ação dessa, eu vou mentalizando frases positivas:

Eu já sei o assunto.

Eu sou capaz.

Eu vou conseguir.

Eu sou paz.

E por ai vai. Tudo de bom que podia vir na minha mente eu alimentei. Isso tudo sendo mentalizado de forma concentrada na respiração e no som.

O efeito foi incrível. As cólicas aliviaram e eu consegui revisar.

Está gostando desse texto?

Está gostando desse texto?

Cadastre seu email abaixo e receba mais conteúdos como esse!

Deu tudo certo! Agora, você receberá nosso conteúdo exclusivo diretamente em seu e-mail!

Fui alternando a manhã com períodos de revisão e sono meditativo.

Para quem olha de fora pode achar isso perda de tempo. Mas não, não é.

Se você está se sentindo nervoso ou inseguro com qualquer situação da sua vida — seja na Universidade ou fora dela — Meu conselho será sempre o mesmo:

Respire.

Reeespire. (Antes que pire rs)

Já tem muita pesquisa ai que comprova o quanto a meditação pode nos ajudar a termos melhores resultados. E, sinceramente, mesmo eu nunca tendo vivenciado um curso de meditação, só de parar e respirar por alguns minutos eu já me sinto melhor.

Vou inventando “nomes e técnicas”, que não sei se fará sentido para a humanidade, mas faz para mim. E é isso que eu te convido também a viver.

Procure tudo aquilo que te faz bem e que pode te ajudar a controlar a mente.

Não adianta saber tudo de um assunto ou de qualquer outra coisa se sua mente não colabora com você.

Controle sua mente.

Não importa como.

Simplesmente, Controle sua mente.

Ultimamente, começo acreditar que essa é uma das principais habilidades que você vai precisar ter na vida estudantil, profissional e pessoal.

Gratidão!

The following two tabs change content below.
Ana Luisa Almeida
Aprendiz da vida e da engenharia. Idealizadora do Projeto "O que aprendi na Engenharia". Jovem Ponte, Engenheira Química formada pela UFBA, atuando como Engenheira Trainee na Kordsa Brasil. Nascida para espalhar sorrisos e gratidão ao redor do mundo, com o Coração sempre no ritmo #GoGoGo.

Comments

comments

Gostou desse texto?

Se você quiser receber mais textos como esse, cadastre seu email abaixo! 

Nosso conteúdo é gratuito e feito com muito amor!

Pronto! A partir de agora você estará sempre conectado(a) com nosso conteúdo! Gratidão!